• Farmacologia Informa

HIV/AIDS – Estamos próximos da cura?

Grupo Farmacologia Informa


O HIV é o vírus da imunodeficiência humana (sigla do inglês human immunodeficiency virus) que destrói células do sistema imunológico (linfócitos T CD4), deixando o corpo vulnerável a infecções oportunistas e cânceres, com risco de vida. A AIDS é um conjunto de sintomas conhecidos como síndrome da imunodeficiência adquirida (da sigla em inglês Acquired Immunodeficiency Syndrome) e representa o estágio mais avançado e grave da infecção pelo HIV. Para o diagnóstico de AIDS, o paciente com HIV deve ter uma condição definidora de AIDS (infecções oportunistas e/ou cânceres) ou ter uma contagem de linfócitos T CD4 inferior a 200 células/mm3 (independentemente da condição definidora) (1).

O HIV é um retrovírus, com dois subtipos: HIV-1 e HIV-2. O subtipo HIV-1 é o mais comum e responsável pela AIDS na maior parte do mundo. O HIV-2 é encontrado principalmente na África Ocidental e é menos comum (2). Segundo dados do programa conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS), mais de 37,7 milhões de pessoas vivem atualmente com HIV, em todo o mundo. Em 2020, estimam-se 1,5 milhão de novos infectados. Desde a descoberta, em 1981, HIV/AIDS matou mais de 35 milhões de pessoas (3).

Quarenta anos após a identificação do HIV-1, as pesquisas para elucidar a cura do HIV não param. Pesquisadores estudam os mecanismos moleculares de replicação do vírus, com o objetivo de desenvolver vacinas e novos tratamentos que possam erradicar completamente a infecção (4). Os primeiros medicamentos lançados no mercado contra o HIV foram os fármacos antirretrovirais. Estes medicamentos são administrados em combinação (normalmente, três medicamentos). Eles suprimem a replicação do HIV, reduzem a quantidade de vírus no organismo (carga viral) e mantém as contagens de células de defesa, linfócitos TCD4 (5). Embora os antirretrovirais retardem e estabilizem o progresso da doença, eles não promovem a cura e estão envolvidos com muitos efeitos adversos. Os antirretrovirais são incapazes de combater o reservatório latente do vírus, que consiste em um conjunto de células que abrigam HIV-1 inativos, mas competentes para replicação pró-vírus, e que representam a principal barreira para erradicar o HIV-1 nos indivíduos afetados (6)

Uma nova estratégia terapêutica está sendo estudada, para proporcionar uma remissão do HIV/AIDS, sem tratamento diário com medicamentos. A terapia gênica anti-HIV baseada em células-tronco hematopoiéticas visa reconstituir o sistema imunológico do paciente por meio do transplante de células-tronco hematopoiéticas geneticamente modificadas com genes anti-HIV. As células-tronco hematopoiéticas podem se autorrenovar, proliferar e se diferenciar em células imunes maduras resistentes ao HIV (7). Recentemente, uma equipe de pesquisa americana relatou que possivelmente curou uma mulher com HIV, pela primeira vez. Esses cientistas usaram um método de transplante de células-tronco. Embora animador, os cientistas alertam que a terapia por meio de transplante de células-tronco não deve ser usada por todos os pacientes com HIV, apenas com os que apresentam certos tipos de cânceres pois o transplante é um procedimento de alto risco (8).

Outra área que tem chamado atenção dos cientistas é a necessidade de desenvolver uma vacina anti-HIV, segura e efetiva. Recentemente, em janeiro de 2022, a empresa farmacêutica Moderna anunciou o início de ensaios clínicos de fase 1 para uma vacina experimental contra o HIV. Trata-se da primeira vacina de RNA mensageiro (mRNA-1644) contra o HIV, a ser testada em humanos. Essa tecnologia do RNAm é a mesma utilizada na vacina contra COVID19. Um pedaço de RNAm que codifica uma parte do vírus entra dentro da célula e estimula a produção de uma proteína do vírus. Com base nessa proteína, as células B do sistema imunológico são treinadas a produzir anticorpos neutralizantes contra o vírus (9). Os resultados da vacina de RNAm e avanços em opções terapêuticas são promissores. Entretanto, mais estudos são necessários para a descoberta da cura do HIV.

GLOSSÁRIO:

Retrovírus: são vírus que a partir de moléculas de RNA (material genético - ácido ribonucleico) formam moléculas de DNA (material genético - ácido desoxirribonucleico), pela ação da enzima transcriptase reversa.

Replicação dos vírus: os vírus produzem novas cópias de si mesmos dentro das células infectadas

Remissão: se refere a uma condição em que a doença está sob controle e respondeu bem ao tratamento instituído

RNA mensageiro (RNAm): é uma molécula que diz ao corpo como produzir proteínas



REFERÊNCIAS:

1.Waymack JR, Sundareshan V. Acquired immunodeficiency syndrome 2022, StatPearls Publishing LLC

2.Sharp PM, Hahn BH. Origins of HIV and the AIDS pandemic. Cold Spring Harb Perspect Med. 2011 Sep;1(1):a006841

3. AIDS by the nembers. https://www.unaids.org/en. Acesso em fevereiro de 2022

4. Soliman, M., Srikrishna, G. & Balagopal, A. Mechanisms of HIV-1 Control. Curr HIV/AIDS Rep 14, 101–109 (2017). https://doi.org/10.1007/s11904-017-0357-9

5. Aquaro S, Borrajo A, Pellegrino M, Svicher V. Mechanisms underlying of antiretroviral drugs in different cellular reservoirs with a focus on macrophages. Virulence. 2020 Dec;11(1):400-413. doi: 10.1080/21505594.2020.1760443. PMID: 32375558; PMCID: PMC7219522

6. Castro-Gonzalez S, Colomer-Lluch M, Serra-Moreno R. Barriers for HIV Cure: The Latent Reservoir. AIDS Res Hum Retroviruses. 2018 Sep;34(9):739-759. doi: 10.1089/AID.2018.0118

7.Pernet O, Yadav SS, An DS. Stem cell-based therapies for HIV/AIDS. Adv Drug Deliv Rev. 2016 Aug 1;103:187-201. doi: 10.1016/j.addr.2016.04.027. Epub 2016 May 2. PMID: 27151309; PMCID: PMC4935568

8. Scientists have possibly cured HIV in a woman for the first time. By Benjamin Ryan. February, 15, 2022. https://www.nbcnews.com/nbc-out/out-health-and-wellness/scientists-possibly-cured-hiv-woman-first-time-rcna16196. Acesso em fevereiro de 2022

9. Moderna launches clinical trial of HIV vaccine that uses mRNA technology. The first participants were given doses of the vaccine Thursday. By Mary Kekatos 27 January 2022. https://abcnews.go.com/Health/moderna-launches-clinical-trial-hiv-vaccine-mrna-technology/story?id=82510807

32 visualizações0 comentário